Quem decidiu comprar um iPhone 4 durante o lançamento do aparelho em 2010, atualmente possui um celular obsoleto no fundo da gaveta. No entanto, para aqueles que investiram em Bitcoin ao invés de comprar o smartphone, o valor investido já superaria R$ 1,16 bilhão.

Assim, uma comparação entre o iPhone e investimentos em Bitcoin demonstra como a criptomoeda sofreu uma enorme valorização nos últimos dez anos, conforme mostra um investidor em uma publicação no Facebook.

Maurício Massao comparou o preço de lançamento de todos os iPhones no mercado com o valor do Bitcoin naquele momento. Enquanto que em 2010 dava para comprar 17.990 unidades de BTC com o preço do iPhone 4, em 2020 é possível apenas comprar uma fração de 0.063 Bitcoin com o valor do iPhone 12.

iPhone e Bitcoin

As vendas do iPhone 4 foram lançadas oficialmente no Brasil em 17 de setembro de 2010, sendo que essa versão da marca Apple foi comercializada por R$ 1.799 naquele ano.

No entanto, este valor renderia quase 18 mil Bitcoins ao invés de um iPhone 4, ao ser considerada a cotação da criptomoeda naquele ano. Dessa forma, depois de dez anos a quantia em Bitcoin valeria mais de um bilhão de reais.

Assim, em setembro de 2010 o preço do Bitcoin valia apenas cerca de R$ 0,10 cada unidade. Porém, atualmente a cotação do BTC está quase em R$ 65 mil, fazendo com que 18 mil unidades valessem R$ 1,6 bilhão considerando a cotação para a criptomoeda neste domingo (19).

Ou seja, que decidiu comprar Bitcoin ao invés de um iPhone 4 em 2010 pode ser considerado um bilionário atualmente. Por outro lado, um iPhone 4 no mercado não vale mais que R$ 300 em sites que negociam o aparelho usado.


Preço do Bitcoin em 2010

Criptomoeda subiu e celular desvalorizou

O iPhone 4 foi lançado oficialmente pela Apple em 2010, e desde então a empresa de tecnologia já lançou oito novas versões do aparelho no mercado nos últimos anos.

Desse modo, o modelo iPhone 4 perdeu significativamente o valor que possuía desde o seu lançamento. Por outro lado, quem decidiu investir em Bitcoin viu o valor do ipHone 4 ser transformado em uma fortuna bilionária.

Se em 2010 um iPhone 4 custava R$ 1.799, em 2020 o iPhone 12 está sendo comercializado por volta de R$ 4.070 no Brasil. No entanto, o valor correspondente ao celular da marca Apple em Bitcoins sofreu uma enorme diferença nos últimos dez anos com a ascensão do mercado de criptomoedas.

Sendo assim, atualmente não é possível comprar nem 10% de um Bitcoin inteiro com o preço de um iPhone 12. A comparação entre o preço do celular no mercado e o preço da criptomoeda serve para demonstrar como o BTC enfrentou uma enorme valorização na última década.

Leia Mais:

VER ARTIGO ORIGINAL